segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Pessoal esta semana passem pelo Cinema XENON


Alô Pessoal. Eu sou o Kaëtus e hoje não estou aqui para falar-lhes de jogos, emuladores ou consolas. Mas sim de uma das minhas maiores paixões, o cinema... E a razão disso é muito simples, algo esta acontecer esta semana no cinema Xenon que poderá mudar a vida de muitos, como eu acredito que mudou a minha. Wall-E um filme de animação produzido pela Pixar (Toy Story, Finding Nemo, Ratatui) e distribuido pela Disney, uma parceria que já remonta desde a década de 90 e parece que ainda vai perdurar por muitos anos.

WALL-E

Muitos são (em Moçambique e África no geral) os que acreditam que assistir qualquer tipo de filme de animação é pura perda de tempo “coisa de crianças” pra esses vão os meus Pêsames. Outros porém são os que dizem que gastar dinheiro para ir ao cinema é perda de dinheiro que se podia investir num DVD pirata a venda em qualquer das artérias da nossa Cidade. Para esses vai o meu ¥¤ÐÆÝÜęøŒŠǽ e também ǼǾΩΨξЩљњffl. Eu regozijo-me de não pertencer ao grupo dos gajos que fazem essas ΩΨξЩ.

WALL-E

Falar de cinema para mim é uma coisa tão emocionante que quase me caiem lágrimas. WALL-E levou-me a uma nova dimensão que foi das maiores (senão a maior) aventuras Cinematográficas que já pude viver em frente da grande tela Branca. A sério… Isto pode parecer um bocado estranho para muitos mas o pequeno Wall-E cativou-me ao extremo e fez-me sentir uma enorme alegria em curtir um filme e esquecer todos meus problemas terrenos e simplesmente penetrar no imaginário dos homens da Pixar. Algo que já não acontecia a muito… muito tempo.

WALL-E

Apesar de ser uma animação eu realmente penso que WALL-E devia levar o Oscar de melhor filme do ano. Não só pela sua beleza externa como grafismo música e história. Mas desde a sua concepção foi feito para ser acarinhado e apreciado como uma obra de arte. Existe nele uma grande mensagem para o mundo, o filme transborda emoções por toda parte… Foi a primeira vez que tive vontade de chorar a assistir uma animação. Gringo por outro lado borrou-se todo J.

O filme que retrata a historia do nosso mundo no futuro, soterrado pelo lixo da humanidade. Sem alternativas, os humanos tiveram a ideia de partir num cruzeiro galáctico de luxo na estação espacial Axiom e enquanto isso um grupo de robôs teria de ficar na terra a recolher o lixo que os próprios seres humanos tinham deixado. A ideia era de retornar em 5 anos, porém mesmo depois dos 5 anos as condições de vida na terra eram ainda não favoráveis e os humanos nunca mais retornaram.

WALL-E

Esses robôs identificadas como WALL·E (Waste Allocation Load Lifters - Earth-Class), não suportaram as condições precárias em que se encontrava o planeta e acabaram por deixar de funcionar.

WALL-E

Um único exemplar de WALL·E, no entanto, continua a funcionar, porque desenvolveu a técnica de canibalizar as partes de seus companheiros desactivados, ou seja, sempre que um braço ou roldana do seu corpo se encontrava obsoleta ele retirava de outro WALL-E qualquer que se encontrava desactivado e assim ia vivendo. E passa a vagar pelo planeta realizando a tarefa para qual ele foi programado a fazer, e por 700 anos ele trabalha sozinho coleccionando inúmeros artefactos que encontra durante a limpeza.

WALL-E

O mais incrível da história é que nesse espaço de tempo, o pequeno WALL·E desenvolveu consciência e personalidade. Seu interesse pela cultura de um povo que ele nunca encontrou só cresceu, assim como seu respeito pela vida, que ele conhece apenas na forma de uma baratinha, sua companheira de estimação, Spot. WALL-E não fala mais de 5 palavras em todo filme mas ele consegue dizer tudo que é necessário dizer.

WALL-E

E mais não digo...

Veja o trailer e clique nas imagens para ampliar.

De que Estas a espera??? Vai ja comprar o teu Bilhete!






Be the first to rate this

Nenhum comentário:

Postar um comentário